UPA de Viamão adere à campanha Agosto Lilás

 

 

Profissionais da Unidade de Pronto Atendimento de  Viamão desenvolveram com pacientes e acompanhantes, nesta terça-feira 25, uma campanha de conscientização: Agosto Lilás.

Intitulada como Agosto Lilás, a campanha visa combater um problema que assusta e acaba com a vida de muitas pessoas em todo o mundo: a violência contra a mulher.

E para tornar o ambiente mais humanizado e tranquilo  os participantes contaram com música ao vivo, que contou com a participação do músico e funcionário da Unidade, Raphael Freitas.

O Agosto Lilás abordado na UPA objetivou conscientizar sobre a importância de realizar as denúncias, pois raramente as agressões acontecem apenas uma vez. É essencial que as vítimas reconheçam o problema que estão vivendo e saibam perceber que não são as culpadas e não merecem passar por agressões físicas e psicológicas.

Importante lembrar que violência contra a mulher não se trata apenas quando um homem lhe agride fisicamente. Além da lesão corporal, os tipos mais comuns de violência contra a mulher, de acordo com a legislação, são a ameaça, estupro, feminicídio, crimes contra a honra e até mesmo contra a liberdade de expressão.

Em grande parte dos casos, esses tipos de violência ocorrem quando a vítima e o agressor vivem em um relacionamento abusivo.

Maria Helena Silva estava aguardando atendimento e assistiu a palestra Ela achou interessante a abordagem e informou: “Muito bons esses esclarecimentos porque infelizmente esses casos existem e muitas mulheres têm medo de denunciar, mas é importante fazer a denúncia porque uma relação abusiva, pra mim é um caminho sem volta”, disse.

Durante as orientações a equipe buscou conscientizar sobre sinais de violência e como as mulheres podem pedir ajuda, como por exemplo, solicitando uma máscara lilás nas unidade.

É preciso ficar atenta e não se calar e principalmente denunciar: A vítima deve procurar uma delegacia. Se a cidade possuir, a Delegacia da Mulher é a responsável por atender esse tipo de casos. Há ainda como denunciar através do telefone 180. As informações podem ser repassadas de forma anônima.

Envolvidos na ação: Evaldo Marques , Diego Petry, Raphael Freitas, Mateus Fialho, Elisangela Crivelaro, Daniela Andrade, Marivalda Marques, Fabiana Batista.

Galeria de Fotos

Share Button
Onde nos encontrar?

Av. Luís Tarquínio Pontes, n° 2576 Edifício Vilas Business, Sala 503, Bairro: Buraquinho, Lauro de Freitas-Bahia, CEP: 42.709-190

E-MAIL: 

institucional@ibdah.org.br

Horário de atendimento

De Segunda a Sexta: 07h às 17h

Siga-nos

© 2017 ibdah - Instituto Brasileiro de Desenvolvimento da Administração Hospitalar.